Todo mundo hoje parece estar vivendo num mar de dívidas.
Poucos pensam em como economizar dinheiro.

É fato que é mais fácil gastar do que ganhar dinheiro. As oportunidades para gastar tendem ao infinito.

São tantas contas e tão pouco dinheiro que muitas pessoas, por sua vez, recorreram ao pagamento de algumas dívidas criando outras dívidas que, por sua vez, acumulam ainda mais taxas e juros.

Para a maioria das pessoas endividadas, é assim que tudo começa. Elas começam com um simples cartão de crédito com o pensamento de acumular milhas e pontos que talvez nunca irão utilizar. Primeiro por que não sabem como, e segundo é que quando não utilizadas, estas milhas ou pontos começam a expirar.
E você raramente consegue juntar milhas ou pontos para trocar por coisas que são do seu interesse.

Mas então acontece alguma coisa, uma emergência, algo inesperado, seja uma necessidade médica ou relacionada ao trabalho, e os endividados se veem incapazes de pagar suas contas.

Na hora do aperto você têm um cartão de crédito em sua carteira, toma a decisão de usar esse cartão para pagar outras contas.

Claro que nem tudo acontece como é planejado e uma coisa leva a outra. Antes que alguém perceba, as contas se acumulam novamente e não há limite no cartão.

Mas tudo bem, porque conseguir outro cartão é simples, já que as contas ainda estão sendo pagas em dia. E antes que alguém perceba, as contas começaram a se acumular ao ponto que é quase impossível mudar as coisas sem ficar inadimplente.

No entanto, tudo isso poderia ter sido evitado com a dedicação para criar o hábito de economizar dinheiro.

Ok, seu salário não é tão grande e há muitas outras coisas que você pode fazer com o seu dinheiro extra ao invés de jogá-lo em uma conta de poupança.

Mas, ao fazer isso, você nunca terá o dinheiro em mãos para quando realmente precisar.

Esta é uma das coisas que podem levar à construção de dívida expansiva e é por isso que a poupança é tão importante.

O pouco que você recebe em juros parece não valer a pena.

No entanto, se você separa apenas 10% de sua renda e coloca numa poupança ou um investimento melhor, depois de 10 meses, você tem um salário extra acrescido de juros.

É um dinheiro que está lá na sua conta à sua disposição para fazer outros investimentos ou deixar rendendo.
Quando você tem dinheiro guardado, oportunidades para gastar vão aparecer, mas se você refinar o seu “faro” para investir, você corre o risco de comprar um bem por preço de ocasião.

Pode comprar algo de alguém porque esta pessoa quer fazer outro negócio e precisa de dinheiro rápido, quer fazer uma viagem ou um outro endividado que precisa sair do sufoco.

Depois se desejar, com mais tempo, você pode vender este bem por um valor maior.

Mudando o perfil de gastador para o perfil de investidor o risco de passar por problemas financeiros ficam muito reduzidos e o seu patrimônio tende a crescer cada vez mais.

Dinheiro gera dinheiro quando se tem.

Saiba mais…